Nota de Falecimento

Faleceu em Itu, na madrugada do dia 06 de agosto de 2018, o Acadêmico Mylton Ottoni da Silveira, aos 82 anos. Nascido em Cabreúva, a 29 de julho de 1936, era professor normalista diplomado pelo Instituto de Educação Regente Feijó. Estudou Pedagogia e Administração Escolar. Trabalhou como professor e Diretor de Escolas do Ensino Público do Estado de São Paulo. Como empresário, fundou e dirigiu a Editora Ottoni, responsável pela edição de mais de mil títulos de obras literárias e técnicas. Desta forma impulsionou a produção literária nas regiões de Itu e Sorocaba, responsável pela reedição de dezenas de obras históricas da literatura regional, de autores como Aluísio de Almeida, Francisco Nardy Filho, Cornélio Pires e Augusto Cesar de Barros Cruz. Era estudioso da formação do povo paulista e das antigas aldeias do interior. É autor de “1000 Questões” (1976) além de diversos trabalhos publicados em revistas das associações que participa, como o Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba. Era associado de diversas entidades como o Rotary Clube, a SACI e a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Itu. Na Academia Ituana de Letras ocupava desde 2009 a Cadeira nº 06, cujo patrono é o jornalista Joaquim Leme de Oliveira Cesar.
Casado com a Sra. Inês da Silveira, deixou os filhos Marcelo e Maurício e netos. O enterro se deu às 17 horas do mesmo dia, no Cemitério Municipal de Itu.

A Acadil homenageará a memória do Acadêmico Mylton Ottoni da Silveira em sua reunião mensal, no próximo dia 11 de agosto, sábado, 10h. na Sala Padre Luís Yabar (Igreja do Bom Jesus).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *